Senado aprova auxílio de R$ 600,00 para trabalhadores informais durante a pandemia

0
Imagem: Jane de Araújo/Agência Senado

O Senado Federal aprovou nesta segunda-feira,30, o auxílio de R$ 600 por três meses para trabalhadores informais de baixa em razão da crise do coronavírus. O projeto de lei foi votado no plenário virtual da casa, e 79 parlamentares aprovaram o texto, que segue para sanção do presidente Jair Bolsonaro.

Também na sessão, os senadores aprovaram o texto que destina merenda escolar para as residências alunos da rede pública durante a pandemia.

A aprovação foi unânime, com 79 votos favoráveis e apoio dos senadores da oposição e do governo. O líder do PSL no Senado, Major Olímpio (SP), foi um dos vários parlamentares que se manifestaram.  “Estamos precisando de tais iniciativas de injetar na veia o dinheiro para o cidadão comprar comida e sobreviver a essa calamidade. A primeira vez que o dinheiro vai chegar na mão do povo vai ser nesse projeto. É calamidade, as pessoas estão precisando”.

O presidente Davi Alcolumbre, utilizou as redes sociais, para pedir ao presidente da República a sanção imediata do projeto.  Alcolumbre segue afastado de suas atividades após ter sido diagnosticado com o novo coronavírus.

“Em nome dos brasileiros que passam dificuldades financeiras neste momento de pandemia do Covid-19, solicito ao presidente da República Jair Bolsonaro a sanção imediata do projeto de lei, que garante auxílio de R$600aos trabalhadores autônomos, aprovado há pouco pelo Senado Federal” escreveu o presidente do Senado Federal.

Recentemente, o Ministro da Economia, Paulo Guedes, afirmou que, com a aprovação da medida, o impacto nas contas públicas pode chegar aos 45 bilhões de reais.

Leia mais:

Sobe para 159 o número de mortes por coronavírus no Brasil; Goiás tem 61 casos confirmados