Horário de funcionamento das feiras especiais não agrada Associação da Feira Hippie

Segundo o secretário interino da Sedec, Rafael Meirelles, a solução foi construída por meio de diálogo com os trabalhadores.

0
Feira Hippie Goiânia
Segundo o secretário de Desenvolvimento e Economia Criativa, Paulo Henrique, a liberação ocorreu após diálogo com os trabalhadores. (Foto: Reprodução / Secom Goiânia)

Diante do decreto municipal que proíbe o funcionamento de atividades econômicas não essenciais aos finais de semana, a Prefeitura de Goiânia, por meio da Secretaria de Desenvolvimento e Economia Criativa (Sedec), definiu horários de funcionamento entre segunda e sexta-feira para feiras especiais. A Feira Hippie, por exemplo, que tradicionalmente abre as sábados e domingos, terá de funcionar somente nas sextas-feiras, de 6h às 20h.

O presidente da Associação dos Feirantes da Feira Hippie, Waldivino da Silva, falou à Bandeirantes que faltou diálogo. “Não fomos chamados para participar das reuniões. A gente fica triste porque tomam decisões e parece nós, da Feira Hippie, somos invisíveis aqui na região”, disse Waldivino. “Faz um decreto onde no sábado e domingo ninguém pode trabalhar, sabendo a própria prefeitura que as feiras são especiais e só trabalham aos finais de semana”, pontuou.

De acordo com ele, há feirantes que estão recebendo cestas básicas da Associação por não conseguir mais gerar renda sem a Feira Hippie. “Tem pessoas que vivem única e exclusivamente da feira e já estão passando grande dificuldade sem ter de onde tirar. Tem alguns que estão indo até para depressão, ansiedade e síndrome do pânico. A feira fechada causa tudo isso”, concluiu. A proposta dos feirantes da Feira Hippie é para que abram também no sábado até às 14h.

Prefeitura diz que decisão foi acordada

Segundo o secretário interino da Sedec, Rafael Meirelles, a solução foi construída por meio de diálogo com os trabalhadores. “O prefeito Rogério Cruz [Republicanos] determinou que todos fossem ouvidos, as propostas colhidas, para assim estudarmos a possibilidade de alteração nos dias de funcionamento”, afirma Meirelles.

Veja como ficarão os dias e horários

Terça-feira

Feira do Setor Universitário – 16h às 22h

Quinta-feira

Feira do Sol – 16h às 22h

Sexta-feira

Feira das Rosas – 16h às 22h

Feira das Nuvens – 16h às 22h

Feira da Lua – Montagem a partir das 17h – Funcionamento das 18h às 23h

Feira Hippie – Montagem a partir da 00h de sexta – Funcionamento a partir das 6h às 20h de sexta


Leia mais: Após idosos, pessoas com comorbidades serão prioridade na vacinação, em Goiás