Gustavo Mendanha, prefeito de Aparecida, defende paralisação do transporte público

Prefeito de Aparecida se manifestou no Twitter

0
Prefeito Gustavo Mendanha
O documento também diz que Mendanha apresenta uma expressiva melhora laboratorial no período de internação. (Foto: Reprodução / Secom Aparecida)

Enquanto não surgem informações oficiais sobre a continuidade dos decretos em Goiânia e Região Metropolitana, o prefeito de Aparecida de Goiânia, Gustavo Mendanha , se manifestou nesta sexta-feira (5/3) sobre o transporte público na região metropolitana. De acordo com ele, as companhias de ônibus não seguem os protocolos sanitários, portanto, deveriam interromper o serviço.

“Todos precisam seguir o protocolo, inclusive o transporte coletivo. Se não conseguem cumprir as medidas sanitárias, concordo com a proposta de lideranças empresariais em paralisar o transporte coletivo e que cada empresário viabilize o deslocamento de seus funcionários.”

A ideia, segundo a proposta dos empresários, é reabrir o comércio e, em contrapartida, cada estabelecimento seria responsável pelo transporte de seus funcionários. Isso para acabar com as aglomerações vistas em ônibus e terminais nesse período de pandemia.