Prefeitura de Goiânia não flexibiliza horário de servidores durante Copa de Futebol Feminino

0

O prefeito de Goiânia, Iris Rezende, não flexibilizou o horário dos servidores durante os jogos da Seleção Brasileira de Futebol Feminino.

Ao contrário do que fez durante a Copa do Mundo de 2018 durante os jogos da seleção masculina, Iris Rezende não atendeu o requerimento da vereadora Sabrina Garcez que pedia o mesmo tratamento.

A concessão não é obrigatória, mas vale destacar que a promoção da igualdade se dá em atitudes como esta.

Se a justificativa da não flexibilização é pelo fato do campeonato ter menos expressividade, erra o prefeito e quem pensa assim.

Na Câmara de Vereadores de Goiânia os horários serão alterados em dias de jogos, assim como na cidade de Aparecida de Goiânia onde o decreto foi assinado pelo prefeito Gustavo Mendanha nessa quinta-feira, 12.

Ouça o comentário.

Rosane Kotoski comenta de segunda a sexta -feira no Jornal Primeira Hora, às 6h30