Sindibares oferece 500 vagas de emprego em Goiânia; saiba como concorrer

Após o envio dos currículos, serão feitas a seleção e entrevistas. A maioria das vagas é para contratação imediata.

0
Decreto Bares e Restaurantes de Goiânia
Bares e restaurantes de Goiânia estão fechados a cerca de duas semanas. (Foto: Reprodução)

O Sindicato dos Restaurantes, Bares e Similares de Goiânia (Sindibares), está ofertando 500 vagas de trabalho em Goiânia. O setor volta a contratar após uma série de demissões ocorridas durante a pandemia. Estão sendo oferecidas vagas para operador de caixa, maitrê (gerente), coordenador de salão, atendente, garçom, auxiliar de serviços gerais, auxiliar de cozinha, cozinheiro, chef de cozinha, gerente operacional, gerente administrativo, barman, entregador e cumim (auxiliar).

Os interessados devem enviar currículo para o e-mail: rh@sindibares.com.br. No campo de assunto do e-mail, o candidato deve escrever o cargo desejado e, no texto, colocar a pretensão salarial, objetivo profissional e informações de disponibilidade de horário. Após o envio dos currículos, serão feitas a seleção e entrevistas. A maioria das vagas é para contratação imediata.

Efeito pandemia

O presidente do Sindibares, Newton Pereira, explica que a retomada tem sido gradual, já que os estabelecimentos estão funcionando com 50% da capacidade. “Durante a pandemia, perdemos em torno de 10 mil postos de trabalho em função da paralisação das atividades”, explica Newton. De acordo com ele, até o final do ano, espera-se que até 1.500 postos de trabalho sejam retomados no setor.

“Estamos otimistas para que a prefeitura crie uma flexibilização maior em função do controle da pandemia e que possamos fazer essa recontratação e nos próximos meses estar ofertando um número maior ainda de vagas”, projeta. “Estamos aguardando o decreto que faz a liberação dos eventos sociais”, completa.

Ouça a entrevista completa com o presidente do Sindibares, Newton Pereira:


Leia mais: Secretário municipal de Educação diz que aulas online devem vigorar até 2021