Rogério Cruz para representantes do Movimento Negro: “a cultura afro será muito respeitada”

Preservação da cultura afro e políticas públicas de inclusão foram alguns dos temas discutidos em reunião com militantes do Movimento Negro da capital.

0
Rogério Cruz é candidato a vice-prefeito com Maguito Vilela
Estiveram na atividade militantes da causa, representantes da capoeira e do candomblé. (Foto: Reprodução)

Representantes do movimento negro de Goiânia se reuniram com coordenadores de campanha da coligação “Pra Goiânia Seguir em Frente”, de Maguito Vilela como candidato a prefeito e Rogério Cruz na disputa como vice-prefeito. No encontro na noite de quarta-feira (25), a coligação assumiu o compromisso de valorizar a cultura e garantir os direitos da população negra da capital. Estiveram na atividade militantes da causa, representantes da capoeira e do candomblé.

Rogério Cruz enfatizou a importância de estabelecer ações que valorizem a cultura. “Tratamos sobre a questão do antirracismo e também destacamos a importância que a nossa cultura seja preservada, e temos certeza de que na gestão de Maguito a cultura afro será muito respeitada. Nosso objetivo é criar uma cidade que ofereça oportunidades e qualidade de vida para cada um de seus moradores e é isto que vamos fazer, se Deus nos permitir governar esta cidade”, enfatizou Rogério.

“Nós estamos aqui com a certeza de que a partir deste governo, que será Maguito e Rogério Cruz, a nossa comunidade negra, a nossa legislação e as questão que envolvem todo o povo negro serão vistas com o carinho que merece, não só na secretaria, mas em toda Goiânia”, afirmou Ivana Leal, representante do Movimento Negro Unificado.

A atividade contou ainda com a participação de representantes das entidades que buscam oportunidades para reforçar o empreendedorismo na cidade, como Kallyta Mendes, da Associação de Empresários e Empreendedores para Fortalecimento do Afroempreendedorismo (ASCENDA); Ana Maria, do Coletivo de Empresários Afro-brasileiros, além de dirigentes partidários e convidados. O Mestre André, ex-secretário de Igualdade Racial de Aparecida de Goiânia, também participou do encontro.


Leia mais: Manifestação: grupo exige cumprimento de 30% de representação feminina nas eleições