27.8 C
Goiânia
terça-feira, 24, maio 2022
- Anúncio -

Prefeitos da Região Metropolitana se reúnem neste sábado (6) para decidir sobre novo decreto

- Anúncio -

Mais Lidas

- Anúncio -
- Anúncio -
- Anúncio -
- Advertisement -

Os prefeitos de 18 cidades da Região Metropolitana de Goiânia, entre eles, Rogério Cruz, da capital, e Gustavo Mendanha, de Aparecida, definem neste sábado (6) as novas medidas de enfrentamento à Covid-19 para os seus municípios. A reunião dos gestores está marcada para 9h e será realizada virtualmente.

Decreto municipal em conjunto publicado no último dia 27 determinou o fechamento de serviços não essenciais por sete dias, prazo que se encerra neste domingo (7). Em nota, a Prefeitura de Goiânia informou que, mesmo diante de medidas duras, os casos de coronavírus estão subindo. Nesta sexta-feira (5), a taxa de ocupação de leitos de UTI na capital chegou a 96%, dado que preocupa a pasta.

Além disso, de acordo com informações da Secretaria Municipal de Saúde de Goiânia (SMS), o número de resultados positivos em testagens em massa vêm aumentando. Em 11 postos de saúde municipais que fizeram a testagem em massa nesta sexta (5) a taxa de casos confirmados foi superior a 20%.

A SMS informou que reconhece o atual momento de gravidade da pandemia e destacou tem executado diversas ações para proteção à vida. Em 2021, 118 leitos de UTI para tratamento exclusivo de coronavírus foram abertos em Goiânia e mais de 116 mil doses de vacinas foram aplicadas em profissionais de saúde e idosos.

Aparecida de Goiânia

O Comitê de Prevenção e Enfrentamento ao novo Coronavírus de Aparecida de Goiânia, em reunião nesta sexta-feira (5), discutiu retorno ao escalonamento regional que, segundo o grupo, é mais fácil de fiscalizar e tem maior adesão da população.

O comitê também avaliou a proposta de paralisar o transporte público. No entanto, como o sistema é da Região Metropolitana de Goiânia, necessita ser discutida com todas as cidades envolvidas.

Leia mais: Prefeito Marden Júnior decidirá neste sábado se Trindade vai aderir a um novo decreto

- Anúncio -
- Anúncio -
- Anúncio -

Últimas Notícias

- Anúncio -