Motorista de aplicativo é morto após assalto. PM prende seis

0

Um motorista de aplicativo morreu na noite deste último domingo, 13, em Goiânia após um tentativa de assalto. A Polícia Militar, através Equipes do Tático Móvel, prendeu as seis pessoas envolvidas no latrocínio ainda na manhã desta segunda-feira, 14. O motorista foi identificado como Carlos Augusto dos Santos Lopes, de 25 anos.

Segundo a PM, dois presos relataram que a intenção era roubar apenas o veículo, um Fiat Argo, mas o motorista teria tentando escapar e foi assassinado com três tiros. Ele morreu na hora, com o aplicativo ainda aberto e sem finalizar a corrida.

Carlos havia sido chamado para atender uma corrida num shopping da capital, onde embarcaram Izabela Oliveira Adelardo, de 19 anos, e Carlos Duarte da Silva, de também 19 anos.

Segundo relato da suspeita, o roubo foi a pedido do patrão, conhecido como “Magrelo”. Após o motorista reagir, Izabela teria pedido para seu comparsa atirar contra ele com um revólver calibre .38.

Os dois fugiram do local. A jovem foi a primeira a ser presa, no Setor dos Funcionários. De acordo com a PM, ela entregou os companheiros e o local onde a arma estava escondida.

Além de Izabela e Carlos, foram presos Jonathan Gomes de Morais, de 28 anos, Clistenes Souza Freire, de 26 anos e Ricardo Duarte da Silva, de 25 anos. Uma menor de idade também foi apreendida por abrigar em sua casa o autor dos disparos.

Leia mais:

PRF GO faz maior apreensão de maconha do ano