22.8 C
Goiânia
sábado, 18, setembro 2021
- Anúncio -

Com incríveis 26 cobranças de pênaltis, G. Anápolis supera o Dragão e está na final

Raposa de Anápolis consegue disputar sua primeira final de Goianão enquanto o Atlético dá adeus ao sonho do Tricampeonato

- Anúncio -

Mais Lidas

- Anúncio -
- Anúncio -
- Anúncio -
- Anúncio -

Foi difícil, equilibradíssimo, mas saiu um finalista do confronto entre Atlético Goianiense e Grêmio Anápolis. Após o Dragão vencer por 2×1 no tempo normal e empatar o placar com qual havia perdido em Anápolis, o rubro-negro foi eliminado nas cobranças de pênaltis.

Incríveis 26 batidas foram realizadas até que o desempate acontecesse. Baiano e Janderson erraram na série de 5 cobranças, enquanto João Paulo foi o único a perder nas alternadas (depois de duas rodadas) e, com isso, eliminar o Dragão.

A PARTIDA

Precisando da vitória para reverter o jogo da ida, o Dragão iniciou a partida com a bola no pé. Porém, o Grêmio Anápolis veio muito bem montado defensivamente e não permitia o Atlético chegar. O time era conciso e dificultava muito a vida do ataque rubro-negro.

O time foi inoperante até os 21 minutos, quando Dudu aproveitou rebatida da área e finalizou com força no canto de Jordan. O goleiro foi muito bem e, no reflexo, salvou o Grêmio de levar o primeiro gol. Mas, a pressão não surtiu efeito e ficou apenas nessa jogada perigosa.

Na etapa final, o técnico Cléber Gaúcho decidiu reforçar a marcação e tirou o lateral Matheus Rodrigues que estava pendurado com um cartão amarelo. Era claro o sinal que o time anapolino viria para o segundo tempo com a intenção de segurar o placar construído no primeiro jogo.

Porém, em uma descida de contra-ataque, o Grêmio Anápolis acertou um duro golpe no Dragão. Ronald, jogador das categorias de base rubro-negras e que está emprestado ao Grêmio Anápolis, abriu o placar e ampliou a vantagem dos anapolinos. Drama no Antônio Accioly.

Aos 37 minutos Zé Roberto, sempre ele, deu novo fôlego ao Dragão. O camisa 9 recebeu bom cruzamento de João Paulo e completou para o gol: 1×1 no Accioly e vida nova para o time rubro-negro lutar pela classificação. Não demorou e a virada veio. João Paulo de novo cruzou, dessa vez a bola bateu no goleiro e entrou: 2×1 e a decisão estava nos pênaltis.

Nas cobranças de pênalti, incríveis 26 penalidades foram realizadas até que o desempate viesse. Ao final, o Dragão perdeu 2 pênaltis com Janderson e João Paulo enquanto o Grêmio perdeu apenas com Baiano e se classificou à final.

FICHA TÉCNICA

GOIANÃO – SEMIFINAL

ATLÉTICO 2×1 GRÊMIO ANÁPOLIS

Data: 09/05/2021
Horário: 18h30
Local: Estádio Antônio Accioly, Goiânia- GO

Árbitro: Osimar Moreira (GO)
Assistentes: Christian Passos  (GO); Leone Carvalho (GO)

Gols:

Atlético: Zé Roberto (1×1 – 37’ 2T); João Paulo (2×1 – 43’ 2T)
Grêmio Anápolis: Ronald (0x1 – 20’ 2T)

Cartões amarelos: Danrlei (GEA); Zé Roberto (ACG); Matheus Rodrigues (GEA); Éder (ACG); Vitor Braga (GEA); Gut (GEA)
Cartões vermelhos:

Atlético: Fernando Miguel, Dudu (Arnaldo), Nathan, Éder e Igor Cariús (Pablo Dyego); Willian Maranhão (André Luis), Marlon Freitas e João Paulo; Janderson, Arthur Gomes (Danilo Gomes) e Zé Roberto.
Técnico: Jorginho

Grêmio Anápolis: Jordan, Baiano, Gut, Danrlei e Matheus Rodrigues (Roger); Lúcio, André (Gabriel Vidal) e Vitor Braga; Matheus Martins, Ronald (Thiago Rubim) e Lucão.
Técnico: Cléber Gaúcho

- Anúncio -
- Anúncio -
- Anúncio -

Últimas Notícias

- Anúncio -