Adson Batista se diz ‘assustado’ com fala do secretário de Saúde à RB

0
Foto: Divulgação

O presidente do Atlético Clube Goianiense, Adson Batista, se manifestou após o secretário de Saúde de Goiás, Ismael Alexandrino, falar que ainda não havia visto o protocolo das equipes para um possível retorno do futebol. As duas entrevistas aconteceram ao vivo, nesta terça-feira (19), na Rádio Bandeirantes Goiânia.

“Acho que a Federação tinha que liderar e buscar, nesse momento, estar nessa briga com a gente. Eu tenho protocolos vistados pelo governador Ronaldo Caiado. Até me assusta ver o secretário (de Saúde) tão desinformado, parecendo que o futebol nem existe no estado de Goiás. Acho que ele tinha que estar muito ciente de tudo e todas as decisões que ele está tomando. Muito passivo, ‘não vi e não sei'”, disse o dirigente atleticano.

“Eu até pedi um favor ao presidente do Flamengo, Landim, que eu tenho uma boa relação. Aliás, é um cara educadíssimo e uma pessoa de bem. Pedi pra ele intervir, por que ele é amigo do Ronaldo Caiado, nosso governador. E ele falou com o governador. E pensa igual a mim, acha que o futebol tem que voltar, com todos os cuidados necessários”, revelou Adson.

Entrevista completa

O que disse o secretário de Saúde…