Vila Nova vence o Ituano, garante o acesso e a vaga na final da Série C

O gol do Vila saiu aos 31 minutos do segundo tempo, com Emmanuel Biancucchi, acertando o ângulo do goleiro Pegorari.

0
Vila Nova e Ituano
Com a vitória, o Vila Nova garantiu a vaga na final da Série C. (Foto: Miguel Schincariol / Ituano)

Jogando em Itú, no interior de São Paulo, o Vila Nova foi melhor e venceu o Ituano por 1 a 0, garantiu acesso à Série B do Campeonato Brasileiro em 2021 e vai disputar a final da Série C contra o Remo que, finalizou a segunda fase em primeiro no Grupo B. O gol do Vila saiu aos 31 minutos do segundo tempo, com Emmanuel Biancucchi, acertando o ângulo do goleiro Pegorari.

No outro jogo da chave, o Santa Cruz venceu o Brusque em Pernambuco por 3 a 1, mas com a vitória do Vila Nova, terminou a competição em terceiro lugar no grupo. O Brusque terminou em segundo e já havia garantido o acesso com um jogo de antecedência.

Com bola rolando

Os primeiros 45 minutos começaram debaixo de muita chuva, em Itú. No primeiro tempo, as duas equipes criaram boas chances, mas foi o Vila Nova quem levou mais perigo. Logo aos dois minutos, bola cruzada pela direita, Henan se atirou nela, tocou de coxa, mas a bola foi para fora. Aos 24 da etapa inicial, Dudu foi ao fundo e cruzou para Alan Mineiro que, cabeceou à direita de goleiro Pegorari.

Já na segunda etapa, o Vila começou melhor, também criou chances e chegou a acertar a trave com Dudu de fora da área. O gol colorado só saiu aos 31 minutos com Emanuel Biancucchi que, entrou no lugar de Alan Mineiro. Caíque carregou pela direita, rolou para o argentino que, da entrada da área, chapou com categoria no ângulo de Pegorari, marcando um golaço.

Ficha Técnica

Campeonato Brasileiro Série C – 6ª rodada (2ª fase)

Ituano x Vila Nova

Data: 17/01/2021

Hora: 18h

Local: Estádio Novelli Júnior, Itú (SP)

Arbitragem

Árbitro: Anderson Daronco (Fifa/RS)

Auxiliares: Rafael da Silva (Fifa/RS) e Lúcio Beiersdorf Flor (RS)

Cartões Amarelos

Ituano: Gabriel Taliari, Corrêa

Vila Nova: Adalberto, Yuri, Pablo, Emmanuel Biancucchi (2x), Rafhael Lucas

Gols

Vila Nova: Emmanuel Biancucchi (31’ 2ºT)

Escalações

Ituano: Pegorari, Pacheco, Léo Santos, Suéliton, Fellipe Soutto, Breno Lopes, Mateus Santos (Kadu), Corrêa (André Castro), Gabriel Taliari (Guilherme), Eduardo Lopes (Bruno Mota), Marquinhos (Araújo).

Técnico: Vinícius Bergantini

Vila Nova: Fabrício, Celsinho, Rafael Donato, Saimon, Adalberto (Mário Henrique), Yuri (Gilsinho), Dudu, Pablo, Alan Mineiro (Emmanuel Biancucchi), Henan, Talles.

Técnico: Márcio Fernandes