Por complicações da Covid-19, morre pai do prefeito de Aparecida, Gustavo Mendanha

Léo Mendanha tinha 66 anos e estava internado no Hospital Albert Einstein, em São Paulo, desde o dia 21 de março.

0
Léo Mendanha
Léo Mendanha é natural de Inhumas e começou a carreira política em Aparecida de Goiânia. (Foto: Reprodução/redes sociais)

Segundo informações de fontes ligadas a família Mendanha, o ex-deputado Léo Mendanha, pai do prefeito de Aparecida de Goiânia, Gustavo Mendanha (MDB), faleceu no início da noite desta terça-feira (06), no Hospital Albert Einstein, em São Paulo, vítima da Covid-19. Léo Mendanha foi hospitalizado no dia 17 de março e transferido para São Paulo no último dia 21, aos 66 anos.

O governador Ronaldo Caiado (DEM) lamentou a morte do político nas redes sociais. “Foi com muita tristeza que recebi a notícia da morte do ex-deputado Léo Mendanha. Gracinha e eu reforçamos nossas orações para que Deus conforte os familiares, representados pelo prefeito de Aparecida, Gustavo Mendanha, e dê forças nesse momento de dor. Contem com a gente”, escreveu.

Léo Mendanha é natural de Inhumas e começou a carreira política em Aparecida de Goiânia, quando foi eleito vereador entre os anos de 1989-1992. Posteriormente foi secretário de Finanças do município (1992-1994) e encerrou a carreira como deputado estadual por dois mandatos (1995 a 2003).

Além de Léo, os netos, Emanuel e Luísa Mendanha, de 2 e 8 anos, a nora e primeira-dama, Mayara Mendanha e o filho, Gustavo Mendanha, testaram positivo. Gustavo está desde a última quinta-feira (1°), internado no Hospital Santa Mônica, em Aparecida. A assessoria de imprensa da Prefeitura de Aparecida de Goiânia, informou que vai aguardar o boletim oficial do Hospital Albert Einstein para se manifestar.


Leia mais: Mendanha testa negativo para Covid-19 e aparece se exercitando em vídeo