Novo decreto de Goiânia libera eventos, consumo de alimentos em feiras e reabre o Mutirama

A proposta tem validade de 14 dias e será reavaliada ao término desse período, que será no próximo dia 25 de maio.

0
Decreto Goiânia Rogério Cruz
Foto: divulgação/prefeitura de Goiânia.

A Prefeitura de Goiânia publicou nesta terça-feira (11), o Decreto Nº 2.844, com novas regras de flexibilizações para atividades não essenciais, econômicas e não econômicas. Entre as novas medidas, está a liberação de eventos com até 150 pessoas. De acordo com o decreto, fica permitida exclusivamente a realização dos eventos corporativos e sociais, mas sem pista de dança.

Nas feiras livres e especiais, fica autorizado o funcionamento de restaurantes e praças de alimentação, o consumo de produtos no local e a disponibilização de mesas e cadeiras aos frequentadores, com a capacidade máxima de 30% e obedecendo rigorosamente os protocolos estabelecidos pela Secretaria Municipal de Saúde (SMS).

A prefeitura também liberou o funcionamento do Zoológico e do Mutirama, entretanto, a Agência Municipal de Turismo, Eventos e Lazer (Agetul) ainda irá realizar a divulgação de datas e horários de funcionamento. Durante coletiva à imprensa, o prefeito disse que apesar dessas flexibilizações, é preciso manter o alerta. “Continuamos chamando a atenção da população para que os protocolos sejam rígidos”, disse o prefeito de Goiânia, Rogério Cruz.

Bares e restaurantes

As atividades não essenciais, econômicas e não econômicas poderão funcionar durante os dias de domingo a sábado. Os bares e restaurantes poderão funcionar com lotação máxima de 50% da capacidade de pessoas sentadas, permitindo no máximo oito pessoas por mesa. O decreto autoriza também, apresentações de música ao vivo limitando a quatro integrantes, mas desde que respeite o critério de 2,25 m² por integrante.

No Centro Cultural Mercado Popular da 74 fica autorizada a apresentação exclusivamente de música ao vivo limitando a quatro integrantes desde que respeitado o critério de 2,25 m² por integrante e para efeito de cálculo da capacidade de cada ambiente.

Para os estabelecimentos destinados à prática de esportes coletivos, fica limitada a capacidade que assegure distância de 1,5 metros entre as pessoas com distanciamento de 2,25 m² por pessoa para efeito de cálculo da capacidade de cada ambiente.

Não haverá mais restrições aos fins de semana e será necessário seguir todos os protocolos sanitários como o uso de máscaras, higienização das mãos, além de evitar aglomerações. A proposta tem validade de 14 dias e será reavaliada ao término desse período, que será no próximo dia 25 de maio.


Leia mais: Por orientação da Anvisa, Goiânia suspende vacinação de gestantes com a AstraZeneca