22.8 C
Goiânia
sábado, 18, setembro 2021
- Anúncio -

Jorginho evita polêmica do “fura fila” após vacinação: “A Conmebol sabe o risco que corremos”

Delegação rubro-negra foi imunizada no Paraguai após vitória diante do Libertad

- Anúncio -

Mais Lidas

- Anúncio -
- Anúncio -
- Anúncio -
- Anúncio -

Com colaboração do repórter Juliano Moreira


Em uma ação da Conmebol, a delegação atleticana foi vacinada na viagem ao Paraguai. Ao todo, 44 doses foram aplicadas nos integrantes do Dragão que viajaram até Assunção. O técnico Jorginho, um dos imunizados, evitou falar sobre a polêmica de times de futebol “furarem a fila” da vacinação pelo fato da Conmebol conseguir comprar as doses:

“É muito difícil falar sobre essa situação, todo mundo está sofrendo, muitas perdas, eu mesmo perdi meu sogro e sonhava com que ele pudesse ter esse momento de vacinação, infelizmente não deu tempo, na época nem se era cogitado ainda começar vacinação. Quem sou eu para julgar alguém nesse momento? O que eu gostaria era que todos pudessem ser vacinados”.

Ele finaliza observando que tanto atletas como comissão técnica e quem trabalha no dia-a-dia do futebol segue muito exposto ao vírus: “Eu deixo para cada um concluir a sua opinião, mas o Conmebol sabe o risco que nós sofremos todos os dias para exercer nossa profissão, o risco de contágio com essas viagens, toda logística, a gente se expõe muito, então eles ofereceram as doses.


Leia mais: Atlético é vacinado no Paraguai e se torna primeiro time brasileiro imunizado

- Anúncio -
- Anúncio -
- Anúncio -

Últimas Notícias

- Anúncio -