23.1 C
Goiânia
segunda-feira, 24, junho 2024
- Anúncio -

Goiás goleia o Fluminense em confronto direto contra o Z-4

- Anúncio -

Mais Lidas

- Anúncio -
- Anúncio -
- Anúncio -
- Advertisement -

O Goiás começou o returno do Campeonato Brasileiro com o pé direito e fazendo o dever de casa: vitória (goleada) sobre o Fluminense, em um jogo que o Verdão fez o que tinha obrigação de fazer. Apesar dos números de posse de bola do time carioca mostrarem superioridade, nada foi criado. O Goiás acertou seus contra-ataques e viu a estrela de Michael e Rafael Vaz brilharem novamente. E ainda deu tempo de Yago Felipe fazer o seu primeiro com a camisa esmeraldina.

O duelo no Serra Dourada era um confronto direto contra a zona de rebaixamento e acabou com o Goiás mais distante do perigo – chegou aos 24 pontos, 12º lugar, e abriu seis de distância do Z-4- e com o tricolor abrindo a zona dos times que serão enviados para a série B: continua com os 18 pontos na 17º colocação.

Após vários protestos da torcida durante a semana, o público pagante foi o menor do Goiás no Campeonato Brasileiro como mandante. Foram 5.264 pagantes e um total de 6.806. Renda de R$ 115.560.

Como foi

A torcida na arquibancada cobrou desde antes do apito inicial e o início do jogo não ajudou: foi de pouca criatividade e morno. Mas Michael jogou neste domingo para decidir. Aos 11 minutos, a zaga do Fluminense deu bobeira e no rebote o camisa 11 limpou a jogada, bateu no canto e abriu o placar no Serra.

O restante do primeiro tempo continuou pouco criativo. Kayke quase aumentou o placar em bom contra-ataque puxado por Léo Sena mas o chute foi para fora. O Fluminense tentava alguns passes, mas não criou quase nada. A primeira finalização dos cariocas ocorreu só aos 40 minutos.

Segundo tempo

O segundo tempo começou da mesma forma que terminou os 45 minutos iniciais. Mas o Verdão soube matar o jogo nas oportunidades que teve. Aos 20 minutos, em cobrança de escanteio de Jefferson, Rafael Vaz pulou quase na marca do pênalti e ampliou o placar.

O segundo tempo também foi a oportunidade de Ney Franco testar peças novas. Breno, Kaio e Miguel Figueira entraram em campo para provar que merecem a oportunidade. Desenvolveram bem, porém, aos 35, Breno foi expulso, após revisão do VAR, por um pisão em João Pedro.

Mas mesmo com um a menos, o Verdão não perdeu tempo e passou a régua com uma goleada. No contra-ataque iniciado por Kaio, o volante Yago Felipe ficou cara a cara com Muriel de cavadinha para o fundo do gol.  

- Anúncio -
Array
- Anúncio -
- Anúncio -

Últimas Notícias

- Anúncio -