19.8 C
Goiânia
sábado, 25, junho 2022
- Anúncio -

Ex-ministro da Educação e pastores são soltos nessa quinta-feira

Além do ex-ministro -- nesta quinta-feira (23) -- o magistrado soltou também os pastores Gilmar Santos e Arilton Moura

- Anúncio -

Mais Lidas

- Anúncio -
- Anúncio -
- Anúncio -
- Advertisement -

Após ser preso pela Polícia Federal (PF), na manhã desta quarta-feira (22), o ex-ministro da Educação Milton Ribeiro recebeu autorização de soltura após decisão do desembargador Ney Bello, do Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF-1).

Além do ex-ministro — nesta quinta-feira (23) — o magistrado soltou também os pastores Gilmar Santos e Arilton Moura.

Eles foram presos pela PF no âmbito da operação “Acesso Pago”, que investiga a suspeita de um “balcão de negócios” para liberação de verbas do FNDE (Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação).

A decisão do desembargador atendeu a um pedido da defesa do ex-ministro, apresentado ainda nesta quarta-feira (22). O desembargador afirmou que nada indicava a necessidade da prisão preventiva, uma vez que os fatos narrados envolvem acontecimentos passados e que Ribeiro não está mais no governo.

Ainda de acordo com Ney Bello, o ex-ministro não representa um risco à ordem pública ou econômica que justifique a detenção.

“As decisões que foram tomadas e os atos adjetivados de ilícitos há meses atrás, não estando o paciente na possibilidade de continuar os praticando, não geram contemporaneidade e nem a utilidade a fundar um decreto de prisão preventiva. Como o próprio nome já indica, a prisão preventiva serve para prevenir, não para punir; serve para proteger e não para retribuir o mal porventura feito”, disse.

Questionado por jornalistas sobre um possível desgaste ao governo federal, o fato de ocorrer uma prisão de um ex-ministro, o presidente Jair Bolsonaro insinuou que essa prisão é a demonstração de que o governo não intefere nos trabalhos da PF.


Leia mais: Estudos apontam que ainda não há vacina contra a covid longa, explica médico

- Anúncio -
- Anúncio -
- Anúncio -

Últimas Notícias

- Anúncio -