22.8 C
Goiânia
sábado, 13, abril 2024
- Anúncio -

Casos de poluição sonora representam a maior parte das denúncias formalizadas na Amma

Entre janeiro e março de 2022, a Amma recebeu 7.914 denúncias do gênero.

- Anúncio -

Mais Lidas

- Anúncio -
- Anúncio -
- Anúncio -
- Advertisement -

Segundo dados da Agência Municipal de Meio Ambiente (Amma), casos de poluição sonora representam a maior parte das denúncias formalizadas nos canais do órgão em Goiânia, em especial, nos finais de semana. Entre janeiro e março de 2022, a Amma recebeu 7.914 denúncias do gênero. Desde o começo do ano, foram 14.787. Os esforços para diminuir os índices de poluição sonora estão concentrados, principalmente, nos carros de som em situação irregular.

No início do mês de junho, a prefeitura adquiriu um caminhão-guincho com capacidade para transportar até dois veículos por vez. O caminhão irá auxiliar os auditores nas operações de fiscalização. “O guincho será usado para apreender veículos de som cujo proprietário já tenha sido autuado. Será possível, também, recolher caçambas utilizadas para prática desse delito”, informa o presidente da Amma, Luan Alves.

Luan Alves explica que é comum a mesma festa ou aglomeração ser a causadora de dezenas de reclamações e, por isso, as estatísticas são historicamente elevadas. Poluição sonora é uma contravenção tipificada pelo artigo 54, da Lei Ambiental 9.605. Ela é tratada como problema social porque causa prejuízo à saúde física e mental das pessoas.

Luan Alves diz que além da poluição sonora, a agência, por meio do 161, atende denúncias alusivas a maus-tratos com animais, poluição hídrica, atmosférica, solo, visual e de descarte irregular de resíduos em áreas públicas.


Leia mais: Atendimento presencial nos departamentos de IPTU, ITBI e ISS da Prefeitura de Goiânia passa a ser realizado por meio de agendamento

- Anúncio -
Array
- Anúncio -
- Anúncio -

Últimas Notícias

- Anúncio -