17.8 C
Goiânia
quinta-feira, 18, julho 2024
- Anúncio -

Vigilância apreende roupas sujas com lama de Brumadinho em loja da família de Zema

- Anúncio -

Mais Lidas

- Anúncio -
- Anúncio -
- Anúncio -
- Advertisement -

A Prefeitura de Brumadinho, na região Metropolitana de Belo Horizonte, notificou nesta quinta-feira (10) a unidade da loja Zema na cidade por comercializar roupas e sapatos de forma irregular. De acordo com a Vigilância em Saúde, os produtos estavam sendo vendidos sujos de lama da enchente que atingiu o centro de Brumadinho em janeiro.

As lojas do Grupo Zema pertencem à família do governador de Minas Gerais, Romeu Zema (Novo). Em nota, a empresa negou que tenha colocado produtos danificados pela lama à venda e disse que eles estavam sendo separados para serem enviados para a matriz do Grupo Zema, em Araxá, no Triângulo Mineiro.

O governador foi procurado para comentar o fato por meio da assessoria de imprensa, mas ainda não respondeu. No passado, Zema afirmou que está afastado da administração do grupo desde 2016.

Foram recolhidas 179 peças de roupas e 46 pares de sapatos. Segundo a farmacêutica e coordenadora interina da Vigilância em Saúde da Prefeitura de Brumadinho, Cristiane Andrade Viana, os produtos foram descartados de maneira segura no aterro.

- Anúncio -
- Anúncio -
- Anúncio -

Últimas Notícias

- Anúncio -