Transporte coletivo deve parar em Goiânia a partir de terça-feira (24)

0
Foto: Divulgação/CMTC

O transporte coletivo em toda Goiânia e região metropolitana deve parar a partir desta terça-feira (24). A decisão foi confirmada em um aviso da Rede Metropolitana de Transportes Coletivos de Goiânia (RMTC) divulgada hoje (23) e foi tomada após uma reunião emergencial realizada na Companhia de Metropolitana do Transporte Coletivo (CMTC), entre representantes de empresas de ônibus de Goiânia, sindicato dos motoristas (Sinditransporte) e operadoras da Redemob.

A exceção seria para o atendimento aos funcionários da saúde em linhas especiais para os hospitais.

“Houve consenso quanto à solução, entendendo que a melhor forma de conter a disseminação do Coronavírus entre a população e os motoristas é a paralisação do serviço de Transporte Público a partir deste 24 de março, terça-feira”, diz a nota.

Na reunião, a alegação das empresas foi de que não existem ônibus suficientes para atender à determinação do governador Ronaldo Caiado (DEM) para que usuários trafeguem sentados. A medida foi publicada pelo governo estadual ainda nesta última sexta-feira (20) e faz parte de um conjunto de ações de contigência contra o Coronavírus no estado

Outro motivo alegado pelas empresas é a falta de condições de atender à decisão judicial que determinou a volta de todos os veículos em operação já que segundo eles, 300 motoristas foram dispensados do trabalho, pois têm mais de 60 anos e são portadores de doenças crônicas, considerados fatores de risco em relação ao novo vírus.

“Embora a ação represente um grande prejuízo financeiro para as empresas, o que deve ser preservado é a vida das pessoas”, finaliza o comunicado.

Veja a nota na íntegra:

Prezados clientes, imprensa e sociedade em geral

Neste domingo (23/03/2020), o órgão gestor (CMTC), sindicato dos empregados (SINDITRANSPORTE), representado pelo Sr. Alberto, e todas as OPERADORAS da RMTC, reuniram-se, em caráter emergencial, para definir como proteger os trabalhadores do Transporte Coletivo e todos os Usuários do Sistema, diante da pandemia que estamos enfrentando.

Houve consenso quanto à solução, entendendo que a melhor forma de conter a disseminação do Coronavírus entre a população e os motoristas é a paralisação do serviço de Transporte Público a partir deste 24 de março, terça-feira.

A exceção deverá ser o atendimento às instituições de saúde, para garantir o ir e vir de seus trabalhadores e o perfeito funcionamento dos hospitais. Para isso, os motoristas devem estar devidamente protegidos.

Embora a ação represente um grande prejuízo financeiro para as empresas, o que deve ser preservado é a vida das pessoas.

Em breve, voltaremos com novas informações. Fiquem ligados!

Pedimos a compreensão e apoio de todos, pois juntos somos fortes!

Leia mais:

Ônibus de Goiânia e região metropolitana só poderão transportar passageiros sentados