Shopping em Goiânia promove bate-papo feminino para discutir temas do filme “Aves de Rapina”

0
O filme “Aves de Rapina - Arlequina e sua Emancipação Fantabulosa” terá sua pré-estreia mundial nesta quarta-feira, 5. Foto: Divulgação

O filme “Aves de Rapina – Arlequina e sua Emancipação Fantabulosa” terá sua pré-estreia mundial nesta quarta-feira, 5. Para discutir as inúmeras relações da perspectiva feminina e feminista do longa e também na sociedade, um shopping na capital irá realizar um bate-papo antes do início das primeiras sessões.

O evento, que leva o nome de “Aves de Rapina – Vozes da Geração Feminina” será das 20h30 às 22 horas, no hall de entrada do Cinépolis Cerrado. A entrada é gratuita.

Além de ser dirigido por uma mulher, Cathy Yan, o novo filme dos estúdios DC nos cinemas tem um elenco de peso e feminino. A história do longa gira em torno de Arlequina (Margot Robbie) que se junta a um grupo de supermulheres, Canário Negro (Jurnee Smollett), Caçadora (Mary Elizabeth Winstead) e Renee Montoya (Rosie Perez), para resgatar uma jovem do vilão Máscara Negra (Ewan McGregor).

Segundo os organizadores do evento, o debate levará uma perspectiva feminina e feminista sobre diversos temas, entre eles empoderamento e representatividade feminina, feminicídio, violência contra a mulher e cultura do estupro.

A discussão será mediada pela jornalista Karla Rady e contará com a participação das psicólogas Márcia Gaioso e Beth Fernandes, da professora Thaiza Montine e sua filha Ellen Montine e da advogada Maria Helena Pires.

O Shopping Cerrado fica na Avenida Anhanguera nº 10.790, no Setor Aeroviário, em Goiânia.

As convidadas

Karla Rady – Nascida no Rio de Janeiro (RJ) e criada em Goiânia (GO), é graduada em Jornalismo e pós-graduada em Assessoria de Comunicação e em Produção e Gestão de Projetos Culturais. Já trabalhou com todos os veículos de comunicação, inclusive no semanal The Manhattan Today, de Nova York; apresentou o Festival Internacional de Cinema e Vídeo Ambiental (FICA) por cinco anos e, desde 2005, é diretora da OlhO Comunicação Estratégica.

Márcia Gaioso – psicóloga e pós-graduada em Gestão de Pessoas. De 1996 a 2012, investiu seus estudos em psicanálise. Formou-se como doula pelo GAMA-SP. Dedica-se constantemente às formações em Terapias Integrativas. Atua em atendimento clínico individual, de gestantes, famílias e grupos. Facilitadora em curas quânticas. Autora do livro digital Filhos do Amor.

Beth Fernandes – Graduada em Psicologia. Possui especialização em Planejamento Educacional, Administração Educacional, Prática Clínica em Psicologia Analítica e mestrado em Saúde Mental. Presidiu o Fórum de Transexuais de Goiás por 14 anos e coordenou sete edições das Paradas LGBTT de Goiânia. Também é presidente da Associação de Travesti e Transexuais de Goiás (ASTRAL-GO), coordenadora do Projeto Casulo Abrigamento Pessoas Trans em Goiânia, consultora de trabalho de enfrentamento ao tráfico de pessoas e, ainda, conselheira municipal e estadual da mulher.

Thaiza Montine – professora de Química e mestra em Educação em Ciências e Matemática. Em 2004, conheceu o cosplay na faculdade, com o nome de “personificação didática”, e passou a utilizá-lo para despertar o interesse dos alunos por sua disciplina. Já contabiliza mais de 40 personagens representados, entre eles Arlequina, e foi destaque na pré-estreia do Aquaman durante a Comic Con Experience (CCXP), que reuniu mais de três mil pessoas em São Paulo.

Ellen Montine – filha de Thaiza. Tem apenas nove anos de idade, mas faz cosplay desde os dois, sempre escolhendo seus personagens com autonomia e autenticidade. É apaixonada por Arlequina.

Maria Helena Pires – advogada, faz cosplay há cerca de 15 anos. Já representou personagens como Dracula Untold, Malévola, Mulher-Maravilha e Duela Dent, entre outros.

Leia mais:

Aparecida de Goiânia realizará Campanha de combate ao assédio às mulheres