Semma, ONG e PM resgatam Pit-Bull em situação de maus-tratos em Aparecida

O tutor do animal foi preso em flagrante e também será multado pela equipe de fiscalização.

0
Pit-Bull maus tratos Aparecida
As equipes foram até o local por meio de denúncia anônima e encontram o Pit-Bull sem abrigo, isolado e machucado. Foto: Semma)

A Secretaria de Meio Ambiente de Aparecida de Goiânia (Semma) com apoio da ONG Anjos Peludos e Polícia Militar, resgatou na manhã deste sábado (16), no Bairro Cardoso, um cachorro da raça Pit-Bull em situação de maus-tratos. Essa foi à primeira ação conjunta da Semma com a instituição de defesa e proteção dos animais. 

As equipes foram até o local por meio de denúncia anônima e encontram o Pit-Bull sem abrigo, isolado e machucado. Ele foi levado para uma clínica veterinária onde passará por exames e receberá os cuidados necessários.

Preso em flagrante pela Polícia Militar e encaminhado para o 4º Distrito Policial de Aparecida, o tutor do animal também será multado pela Semma. A multa pode variar entre R$ 1.000 a R$ 200 mil e será aplicada com base no laudo da equipe veterinária.

Denúncias de maus-tratos aos animais e danos ambientais podem ser registradas pelo 190 da Polícia Militar, ou também na Central de Atendimento da Secretaria de Meio Ambiente, que funciona 24h, pelos telefones 3238-7216/7217 ou enviar mensagem de texto para o Whatsapp Denúncia 98459-1661.


Leia mais: Governo de Goiás quer incluir IPVA e ITCD em programa para negociação de débitos