25.8 C
Goiânia
sábado, 13, abril 2024
- Anúncio -

Secult Goiânia realiza cadastro de artistas para base de benefício emergencial

- Anúncio -

Mais Lidas

- Anúncio -
- Anúncio -
- Anúncio -
- Advertisement -

A Secretaria de Cultura de Goiânia (Secult) está cadastrando artistas, grupos e espaços culturais para formação de banco de dados do Município. O objetivo é realizar o mapeamento das pessoas físicas ou jurídicas na área cultural que compõem a cadeia produtiva da Cultura por linguagens artísticas ou territórios.

Além disso, o cadastramento também será base para a aplicabilidade da Lei de Emergência Cultural Aldir Blanc, que está em fase de adequação no município. Entre os benefícios, a lei prevê Renda Emergencial Mensal de R$ 600 por três meses a artistas, trabalhadoras e trabalhadores da Cultura com atividades interrompidas. A Secult informa que este recurso será realizado exclusivamente pelo Estado.

Também está previsto o subsídio mensal entre R$ 3 mil e R$ 10 mil reais para manutenção de espaços artísticos e culturais, microempresas e pequenas empresas culturais, cooperativas, instituições e organizações culturais comunitárias que tiveram suas atividades interrompidas por força das medidas de isolamento social.

Cadastramento

As informações dos cadastros serão mantidas pela Secult e poderão se tornar públicas, se houver anuência dos responsáveis. O cadastro não cria vínculo ou obrigação de contratação de qualquer natureza por parte da gestão e não a impede a de realizar contratações de artistas não cadastrados para atendimento de necessidades específicas dentro das diretrizes e metas traçadas.

Para mais informações, envio de sugestões e dúvidas, entrar em contato com a equipe da Secult pelo e-mail [email protected] ou 3524-2542.

O formulário do cadastramento pode ser acessado clicando aqui.

Leia mais:

Goiás lidera ranking de combate à criminalidade, diz ministro

- Anúncio -
Array
- Anúncio -
- Anúncio -

Últimas Notícias

- Anúncio -