16.8 C
Goiânia
segunda-feira, 27, maio 2024
- Anúncio -

Polícia indicia dez por morte de funcionário da Saneago

- Anúncio -

Mais Lidas

- Anúncio -
- Anúncio -
- Anúncio -
- Advertisement -

A Polícia Civil de Goiás indiciou dez pessoas pela morte do funcionário da Saneago, Flávio Leonel Moraes, de 36 anos. Ele morreu ao cair no Rio Meia Ponte durante o trabalho de monitoramento e medição da vazão do local em abril deste ano.

Segundo a investigação, Flávio nunca recebeu treinamento para fazer o uso da embarcação que estava, e também não usava colete salva-vida, porque a empresa nunca lhe havia fornecido. O corpo foi encontrado por uma equipe do Corpo de Bombeiros dois dias depois, a cerca de sete quilômetros do local da queda, já em estágio de decomposição.

Ainda de acordo com autos da investigação houve omissão por parte daqueles que ocupavam as funções dos núcleos de chefia hierárquica e de serviço de engenharia de segurança e medicina do trabalho da Saneago.

Entre os responsabilizados pelo acidente, estão o diretor de produção da Saneago, dois superintendentes de meio ambiente e recursos hídricos, o gerente de pesquisa e monitoramento de recursos hídricos, além de um supervisor de hidrologia, o chefe imediato da vítima e outras quatro pessoas da equipe de segurança do trabalho. Eles vão responder por homicídio culposo, quando não há intenção de matar.

- Anúncio -
Array
- Anúncio -
- Anúncio -

Últimas Notícias

- Anúncio -