Pela liderança do Grupo F, Dragão vai até terras paraguaias encarar o Libertad

Atlético tem 4 pontos, enquanto o Libertad mantém 100%; duelo de invictos no Defensores del Chaco

0
Dragão vai ao Paraguai e uma vitória garante a liderança do Grupo (Foto: Divulgação)

O Atlético pode tomar a liderança do Grupo F da Copa Sul-americana nessa quinta-feira (06), jogando no Paraguai. Para isso acontecer, o time precisa derrotar o Libertad, donos da casa que chegam ao confronto com 100% de aproveitamento. A bola rola às 19h15, horário de Brasília.

Missão dura, mas não impossível. O técnico Jorginho sabe disso e, por isso, mantém otimismo para o duelo, mesmo após o revés diante do Grêmio Anápolis, pela semifinal do Goianão, que encerrou uma sequência de 20 jogos invictos do Dragão.

Para o duelo, o técnico perdeu o atacante Roberson, que saiu lesionado de campo em Anápolis com dores na coxa e não conseguiu se recuperar a tempo. Por outro lado, o zagueiro Oliveira se recuperou de uma tendinite e fica à disposição. O Atlético deve repetir o time titular que venceu o Palestino no Chile, na rodada da passada da Sul-americana.

Quem também vive excelente momento é o adversário da noite. O Libertad, além e ter vencido as duas partidas da Sul-americana até aqui, ainda soma uma sequência de 5 jogos sem derrota. Nomes conhecidos fazem parte do elenco, como o goleiro Martín Silva, o lateral Ivan Piris e o atacante Óscar Cardozo.

O técnico Garnero não conta com desfalques e terá time completo para encarar o Dragão.

FICHA TÉCNICA

COPA SUL-AMERICANA (3ª RODADA FASE DE GRUPOS)

LIBERTAD X ATLÉTICO

Data: 05/05/2021
Horário: 19h15
Local: Estádio Defensores Del Chaco, Assunção-PAR

Árbitro: Gery Vargas (BOL)
Assistentes: José Antelo (BOL) e Edwar Saavedra (BOL)

Atlético: Fernando Miguel; Dudu, Éder, Nathan e Natanael; Willian Maranhão, Marlon Freitas e João Paulo; Janderson, Arthur Gomes e Zé Roberto.
Técnico: Jorginho

Libertad: Martín Silva; Iván Ramirez, Luis Cardoso, Diego Vieira e Vangioni; Bareiro, Bocanegra, Hugo Martínez e Ivan Franco; Ferreira e Adrian Martínez.
Técnico: Daniel Garnero


Leia mais: Tigrão empata em casa com Aparecidense no primeiro jogo da semifinal