33.8 C
Goiânia
sexta-feira, 24, setembro 2021
- Anúncio -

Ministro da Infraestrutura garante que Aeroporto de Cargas de Anápolis entrará em operação

No último mês de maio, o Governo de Goiás e o Ministério da Infraestrutura assinaram um termo de cooperação técnica com a Infraero.

- Anúncio -

Mais Lidas

- Anúncio -
- Anúncio -
- Anúncio -
- Anúncio -

O ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, garantiu que o Aeroporto de Cargas de Anápolis será reestruturado e entrará em operação. “Nós vamos construir uma solução. É algo que vamos trabalhar com o Governo de Goiás, como tem sido a nossa parceria, muito estreita, para botá-lo de pé, torná-lo uma realidade”, projetou.  A declaração ocorreu durante assinatura do Memorando de Entendimento (MoU) para a implantação do Centro de Excelência em Tecnologia Ferroviária (CETF), no município, nesta quinta-feira (15).

Segundo o ministro, que estava acompanhado do presidente da Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero), brigadeiro Paes de Barros, o Aeroporto de Cargas no município é importante para a logística e fortalecimento da economia no país. “Anápolis é uma cidade privilegiada. Temos duas ferrovias, com dois operadores diferentes. Temos também a BR-153 e BR-060. Vamos aproveitar o potencial”, afirmou.

No último mês de maio, o Governo de Goiás e o Ministério da Infraestrutura assinaram um termo de cooperação técnica com a Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero). No documento, a Infraero e a Agência Goiana de Infraestrutura e Transportes (Goinfra) farão inspeções no aeródromo e uma auditoria da documentação da unidade. A partir do resultado desse parecer é que serão definidas as intervenções na estrutura.

De acordo com Tarcísio de Freitas, a meta é colocar o Aeroporto de Cargas para funcionar.


Leia mais: Após atraso, Goiás recebe mais 133 mil doses de vacinas contra a Covid-19

- Anúncio -
- Anúncio -
- Anúncio -

Últimas Notícias

- Anúncio -