14.8 C
Goiânia
domingo, 14, julho 2024
- Anúncio -

Goiás sofre bloqueio financeiro após ação judicial da prefeitura de Goiânia 

A gestão municipal alega um atraso no IPTU do CT Edmo Pinheiro entre os anos de 2020 e 2021

- Anúncio -

Mais Lidas

- Anúncio -
- Anúncio -
- Anúncio -
- Advertisement -

Devido a uma ação judicial, movida pela prefeitura de Goiânia, o Goiás Esporte Clube teve R$ 8.631.087,08 bloqueados de sua conta. A gestão municipal alega um atraso no IPTU do CT Edmo Pinheiro entre os anos de 2020 e 2021.

Leia mais: João Grego explica sua saída do movimento “Goiás Para Todos”; assista

A ação estava correndo na justiça e de acordo com a diretoria esmeraldina o clube tentou junto a Prefeitura várias formas de resolver a questão, no entanto, não houve acordo. O Goiás considera a ação indevida e salientou que o órgão municipal limpou os cofres do clube.

O clube irá tentar renegociar a dívida e reverter o bloqueio financeiro através de uma liminar na justiça. No momento, o Goiás alega que não tem mais fundo financeiro para nenhuma de suas ações esportivas. 

- Anúncio -
- Anúncio -
- Anúncio -

Últimas Notícias

- Anúncio -