22.8 C
Goiânia
sábado, 13, abril 2024
- Anúncio -

Emerson Ávila explica escalação alternativa na Sul-Americana e cita desgaste físico no elenco do Goiás

O treinador admitiu que a equipe não desempenhou um bom futebol e por isso fez três substituições no intervalo da partida

- Anúncio -

Mais Lidas

- Anúncio -
- Anúncio -
- Anúncio -
- Advertisement -

Na última terça-feira (23), o Goiás entrou em campo com uma equipe alternativa diante do Universitario do Peru, a escalação surpreendeu a torcida e gerou protestos nas redes sociais. Em entrevista coletiva, o técnico Emerson Ávila admitiu que a equipe não desempenhou um bom futebol e por isso fez três substituições no intervalo da partida. No entanto, ele justificou sua opção de iniciar o jogo com muitos reservas.

Leia mais: Jogadores de Goiás e Universitario se desentendem e PM precisa intervir; assista o vídeo

“Primeiramente, o futebol já é uma ciência, claro que não tão exata quanto a matemática, há bastante tempo. Temos ferramentas que nos auxiliam a seguir o melhor caminho. E de acordo com essa ferramenta a gente tem resultados da parte física dos atletas que podem ser indícios de possíveis lesões. A gente vem de uma sequência bem desgastante”, ressaltou.

“A decisão foi coletiva. Tendo em vista a situação de alguns atletas que nem levamos para o banco. Atletas que vinham jogando uma sequência pesada e que estavam com uma iminência muito grande de (sofrer) uma lesão. Achamos melhor segurar, sabendo que outros podíamos tê-los no banco e utilizar durante a partida”, completou Emerson Ávila. 

O Goiás Esporte Clube volta a campo no próximo sábado (27), contra o São Paulo, às 21h, no Morumbi, em partida válida pela oitava rodada do Campeonato Brasileiro. Pela Copa Sul-Americana, o Verdão só entrará em campo no dia 08 de junho, contra o Gimnasia y Esgrima, no estádio Hailé Pinheiro. 

- Anúncio -
Array
- Anúncio -
- Anúncio -

Últimas Notícias

- Anúncio -