Diretor de Futebol da Aparecidense morre vítima de Covid-19

0
Imagem: Divulgação

O novo coronavírus faz mais uma vítima no mundo do futebol. Na tarde deste domingo,18, faleceu o diretor de futebol da Aparecidense, João Rodrigues, o Cocá, de 54 anos, que estava internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) com Covid-19 há cerca de um mês, em Goiânia.

Cocá era o principal nome à frente do futebol da Aparecidense e fez o clube de Aparecida de Goiânia virar protagonista dentre as equipes do interior. No seu comando Aparecidense se firmou na primeira divisão do campeonato estadual e foi vice-campeão do Goianão em duas oportunidades: 2015 e 2018.

Nas redes sócias, o presidente do Atlético/GO, lamentou a morte de João Rodrigues, o Cocá, “O futebol goiano está em luto! Lamento o falecimento de João Rodrigues, o Cocá, diretor da Aparecidense. É um momento de muita tristeza para todas as pessoas que vivem o futebol goiano. Desejo força à família e amigos do Cocá! #luto” disse Adson Batista

O ex-prefeito de Aparecida de Goiânia a prefeitura da capital, Maguito Vilela (MDB), fez uma homenagem, nas redes sociais. “Meu amigo João Rodrigues (Cocá), você lutou bravamente contra a Covid-19, mas exatamente em um domingo – dia de futebol nos gramados – você nos deixou para dirigir o time dos guerreiros lá do céu.” Escreveu Maguito

O prefeito de Aparecida, Gustavo Mendanha (MDB), também lamentou a morte de João Rodrigues, o Cocá. É com profunda dor que recebo a notícia do falecimento do meu amigo Cocá. Ele lutou muito contra a covid-19, mas infelizmente a doença venceu. Sentiremos sua falta na tribuna do Estádio Annibal, torcendo pela nossa Aparecidense. Vá em paz. Que Deus conforte o coração de todos.

A Aparecidense jogou no sábado (17). O clube venceu o União Rondonópolis, no Mato Grosso, por 4 a 2, e é o primeiro colocado no grupo A5, da série D.