17.8 C
Goiânia
quinta-feira, 18, julho 2024
- Anúncio -

Criminalidade em Goiás registra queda de até 97,6%

Queda chega a 57,2% em homicídios dolosos

- Anúncio -

Mais Lidas

- Anúncio -
- Anúncio -
- Anúncio -
- Advertisement -

A criminalidade em Goiás registrou queda de até 97,6% entre os anos de 2018 e 2024, conforme balanço apresentado pela Secretaria de Segurança Pública (SSP-GO), nesta segunda-feira (8). Além da diminuição nos índices de todas as modalidades criminosas pesquisadas, houve aumento na produtividade da polícia.

Em casos de roubo de cargas, o número caiu de 248 casos no primeiro semestre de 2018 para 6 no mesmo período deste ano, uma queda de 97,6%. Na sequência estão: roubo de veículos, com queda de 93,7%; roubo a transeunte (88,5%); roubo a comércio (88,3%); e latrocínio, cujo índice caiu 84,7%.

Em relação ao homicídio doloso, a redução foi de 57,2%. Mais da metade dos 246 municípios goianos, 128, não registraram nenhum assassinato em 2024. Os dados estão disponíveis no site segurança.go.gov.br

Mais da metade dos 246 municípios goianos, 128 não registraram nenhum assassinato em 2024. Os dados estão disponíveis no site segurança.go.gov.br

Para o governador Ronaldo Caiado, o resultado é um reflexo direto da política de responsabilidade fiscal, que permite o pagamento em dia dos servidores, assim como a garantia de isonomia e evolução na carreira, além da compra de equipamentos e armamentos.

“Já investimos mais de R$ 17 bilhões em segurança”, ressalta Caiado. “Cada vez mais, tenho que reconhecer a eficiência das nossas forças”, complementa.

Como exemplo de combate ao crime, o Governo de Goiás apresentou os resultados do policiamento realizado durante a Romaria do Divino Pai Eterno, em Trindade, durante a qual não houve registro de ocorrências de vulto.

Já o vice-governador, Daniel Vilela, lembrou que, em 2018, o estado tinha média de mil veículos roubados por mês. “Com trabalho inteligente e competente, conseguimos diminuir isso e hoje os seguros de carro são mais baixos”, acrescentou.

Controle da violência  

À frente da apresentação dos dados, o titular da Secretaria de Segurança Pública, Renato Brum, enfatiza que o controle da violência é “algo real, efetivo e pleno”. Entre os pontos de destaque, ele detalha o trabalho contra os feminicídios, que caíram 37,5% no estado, na comparação entre o primeiro semestre deste ano e o mesmo período de 2023. 

“Nós praticamente triplicamos o acompanhamento das medidas protetivas. Um trabalho de prevenção muito bom que alcançou esse resultado”, ressaltou Renato Brum.

O combate a crimes em propriedades rurais também apresentou resposta positiva: -78,2% em roubo e -36,9% em furtos. A atuação envolve um trabalho inédito para cadastrar mais de 100 mil propriedades, efetuar prisões, recuperar bens furtados, entre outros.

Comandante da Polícia Militar, coronel Marcelo Granja avalia o cenário como um avanço. “O governo realiza investimentos principalmente na parte de inteligência e na integração das polícias. Esse é o segredo do sucesso de Goiás”, destacou.

Confira as maiores reduções de criminalidade em Goiás:

– Roubo de Carga: -97,6%

– Roubo de Veículos: -93,7%

– Roubo a Transeunte: -88,5%

– Roubo a Comércio: -88,3%

– Latrocínio: -84,7%

– Roubo em Propriedade Rural: -78,2%

– Homicídio doloso: -57,2%

– Lesão seguida de morte: -45,8%

– Furto em Propriedade Rural: -36,9

- Anúncio -
- Anúncio -
- Anúncio -

Últimas Notícias

- Anúncio -