Coronavírus: EUA suspendem viagens da Europa e eventos são cancelados

0
Foto: Comune di Venezia

Após a Organização Mundial de Saúde (OMS) declarar a pandemia de Covid-19, doença causada pelo novo coronavírus, nesta quarta-feira (11), o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, anunciou que o país vai suspender as viagens de países da Europa aos Estados Unidos por um período de 30 dias, a partir desta sexta-feira (13).

As restrições do país não vão ser aplicadas a quem tem residência permanente nos EUA e a parentes imediatos de cidadãos norte-americanos.

O Departamento de Segurança Nacional dos EUA informou posteriormente que a medida vale para estrangeiros que estiveram nos 26 países da União Europeia e Zona Schengen nos 14 dias anteriores à tentativa de retorno aos EUA. Portanto, o Reino Unido, que tem 460 casos, não vai está incluído na medida.

Segundo a OMS, nas últimas duas semanas, o número de casos de Coronavírus fora da China aumentou 13 vezes e o número de países afetados triplicou. São mais de 118 mil casos ao redor do mundo e 4.291 mortes.

Cancelamento

Após a confirmação de que o pivô francês Rudy Gobert, do clube de basquete americano Utah Jazz, testou positivo para coronavírus, a NBA (National Basketball Association) resolveu suspender todos os jogos da temporada 2019/2020 até segunda ordem.

A informação foi repassada enquanto as equipes Utah Jazz e o Oklahoma City Thunder já estavam em quadra. Todos eles voltaram para o vestiário e devem ficar em quarentena até que exames sejam colhidos.

Além disso, as duas primeiras rodadas das Eliminatórias sul-americanas para a Copa de 2022 serão adiadas.

O Brasil iria fazer a estreia na competição no dia 27 de março, contra a Bolívia, na Arena Pernambuco. Depois ia enfrentar a seleção do Peru, fora de casa, em Lima, no dia 31.

Ainda não há nova data prevista para a realização dos jogos.

Leia mais:

OMS declara pandemia por coronavírus