Boa relação com vereadores favorece indicação para líder na Câmara, acredita Sandes Júnior

“O prefeito não escolheria um líder que os vereadores fossem contra", diz o vereador eleito em 2020.

0
Sandes Júnior
Zeca Ribeiro/Câmara dos Deputados

O vereador Sandes Júnior (PP), cotado para ser o líder do prefeito Maguito Vilela (MDB) na Câmara Municipal de Goiânia, acredita que a maioria dos vereadores apoia sua indicação, mas a decisão cabe ao prefeito interino, Rogério Cruz (Republicanos). “O prefeito não escolheria um líder que os vereadores fossem contra. Tenho plena convicção que dos 21 vereadores, é unânime”, disse.

“Não depende só de quem me indica ou de aceitar ou não, não posso me antecipar aos fatos. Assim como secretário é um cargo de confiança do prefeito, o de líder também é”, diz. De acordo com ele, seu nome foi sugerido no G-21, grupo de vereadores que reelegeu Romário Policarpo (Patriota) na presidência da Câmara Municipal de Goiânia.

Relação com o G-14

O grupo que foi oposição a Romário Policarpo na Câmara, formado por 14 vereadores teve como cabeça de chapa o vereador Dr. Gian Said (MDB). Sandes conta que do G-14, dez já disseram que “veem com simpatia a indicação”. Ainda segundo Sandes, os outros quatro ainda não se manifestaram pois estão em viagem.

“Tenho também um amplo trânsito com os outros 14 vereadores que foram da outra chapa que enfrentou Romário Policarpo. Mas o próprio Dr. Gian MDB) que, encabeçou a outra chapa, disse que tenho experiência e seria um bom líder”, revela Sandes Júnior.

Sobre essa maioria de vereadores que apoiam, o pepista diz que é “confortável”, mas cabe ao prefeito escolher ou não. “Está nas mãos dele. Eu não posso me adiantar, se não seria indelicado da minha parte”, pondera, dizendo que foi de fato consultado e está a disposição.

Relação com secretários

Alguns dos novos secretários da gestão Maguito Vilela foram vereadores ou fizeram parte do Paço em mandatos passados. Andrey Azeredo, novo secretário de Governo, foi vereador na legislatura 2017/2020. Agenor Mariano que, assume a Secretaria de Planejamento Urbano e Habitação foi vice-prefeito de Paulo Garcia (PT), de 2013 à 2016 e na última eleição, foi coordenador de campanha de Maguito Vilela.

Sandes Júnior ressalta a boa relação com os personagens. “Sempre tive um relacionamento muito cordial, inclusive o Agenor Mariano teve meu apoio para senador na eleição passada”, conta. Sandes também afirma que ainda não sabe quando o nome do novo líder da Câmara será anunciado. Entretanto, a expectativa é de que até o final do mês haja definição.


Leia mais: Transporte: CMTC aguarda adesão de municípios em Plano Emergencial aprovado em 2020