Agropecuária supera indústria e serviços na contribuição para o PIB do Estado

0
Imagem: Divulgação

Agropecuária em Goiás registrou um crescimento de 4,1% no ano de 2019, tendo a maior evolução dentre os três setores da economia do Estado, seguido da Indústria +2,8 e Serviços +2,2%. O desempenho da economia de Goiás demonstrou um aumento de 2,5% no acumulado do ano em relação ao acumulado do ano passado. A nível de esfera nacional as variações foram: Agropecuária 1,3%, Indústria 0,5%, Serviços 1,3% e 1,1% para o PIB do país.

O aumento do PIB no Estado de Goiás teve uma contribuição explicita da agropecuária, ultrapassando até mesmo a indústria e os serviços. O Sistema FAEG/SENAR/IFAG tem, ao longo dos anos, exercido importantes contribuições nesse sentido, cumprindo a sua missão de fortalecer, cada vez mais, todas as cadeias produtivas agrícolas e pecuárias do estado.

 Atuando na qualificação profissional rural, assistência técnica, levantamento de dados técnicos e econômicos, é a “representatividade institucional dos produtores rurais” exercidas nos mais diferentes órgãos da esfera federal, estadual e até municipais. Esses fatores deram ao produtor a condição de produzir mais e melhor, mesmo com as adversidades que não estão sob o nosso controle como as climáticas por exemplo.

O uso da tecnologia e a mão-de-obra capacitada também tiveram papel fundamental nesse crescimento. Através de treinamentos, implantação de novas tecnologias e inovação, o setor agro goiano conseguiu mais essa façanha. E nesse quesito o papel do Sistema FAEG SENAR e IFAG foi determinante.