Vila Nova está em fase final do caderno metodológico para criação de DNA do clube

0
Foto: Matheus Alves / Vila Nova

A diretoria da base do Vila Nova deve ter em mãos, até o fim de agosto, o caderno metodológico do clube. Com o objetivo de definir o DNA colorado no processo de formação dos jovens jogadores, a metodologia é um dos principais passos para que a instituição ganhe o rótulo de clube formador ainda neste semestre. 

Dentro do processo de criar uma identidade para os atletas revelados no Tigre, nos próximos dias será lançada uma enquete com toda a torcida para definir duas palavras que vão nortear este perfil.

“Pegamos o traço da história do clube até os dias de hoje. Pegamos quais atletas que fizeram história no clube, quais são os estilos destes, a filosofia, e caracteristicas deles. Adaptamos para a realidade de hoje. Traçamos um perfil que a gente quer e, em paralelo a isso, montamos uma metodologia de treino para que consigamos desenvolver os jogadores dentro dessas características da melhor maneira possível”, detalhou o coordenador da base, Rafael Fernandes.

É importante ressaltar que este é um projeto de longo prazo e nunca antes feito no Vila, já que um jogador pode necessitar de até oito anos para ter uma formação completa. Este desenvolvimento será dividido em três fases: inicializante no sub-13, especialização no sub-15 e sub-17, profissionalizante no período final do sub-17 e todo o sub-20. Cada categoria terá suas particularidades de treinos e desta forma será construída uma ideia de jogo com identificação a partir da história de conquistas da instituição e jogadores que deixaram seus nomes marcados no Vila Nova.

Na prática, o caderno metodológico conterá também a conceituação de cada nomenclatura nos aspectos defensivos, de transição e ofensivos de uma partida de futebol, bem como questões de bolas paradas, fundamentos e ações exercidas pelos jogadores. O objetivo é contextualizar todas as situações de jogo e espelhar isso nos treinos dentro das características propostas. Além disso, está previsto o futsal para os atletas em período inicial de formação para que estes alcancem uma capacidade cognitiva maior.

Por Matheus Alves, da comunicação do Vila Nova Futebol Clube