Reino Unido deixa União Europeia após 47 anos

0
Foto: Daniel Leal-Olivas/AFP

O Reino Unido está oficialmente fora da União Europeia (UE). Com isso, o país se tornou nesta sexta-feira (31) o primeiro país a abandonar o bloco econômico, depois de quase 47 anos de integração.

Agora, os britânicos entram em um período de transição de 11 meses. Nesse tempo, o governo deve negociar um novo relacionamento com o bloco.

O primeiro-ministro do Reino Unido, Boris Johnson, discursou argumentando que a saída, chamada de ‘Brexit’ pela imprensa, é o “amanhecer de uma nova era”. Dessa forma, Johnson espera fechar as feridas na sociedade britânica provocadas pelos três anos de negociações sobre a saída.

“Isso não é um fim, mas um começo”, acrescentou o primeiro-ministro, em mensagem à nação. Com um acordo que durante muito tempo pareceu impossível, Johnson conseguiu uma grande vitória pessoal. “A cortina se levanta para um novo ato”, afirmou o premiê.

Último minuto

O Brexit ocorreu no último segundo de ontem na Europa continental, quando, para os britânicos, o relógio marcava 23 horas (20 horas em Brasília). Um relógio que fazia a contagem regressiva, projetado na famosa fachada de Downing Street, residência oficial do premiê, marcou o momento em que a UE perdeu um membro pela primeira vez na sua história.

No final do dia, instituições como o Conselho da UE e o Parlamento Europeu, em suas sedes em Bruxelas e em Estrasburgo, retiraram as bandeiras britânicas de suas fachadas.

Leia mais:

Coronavírus: sobe para 12 número de casos suspeitos no país