Quase 6 mil comprimidos de rebite eram transportados dentro de caixa de som

0
Foto: Reprodução PRF

Uma caixa de som do carro. Esse era o esconderijo usado para transportar quase 6 mil comprimidos de rebite. A Polícia Rodoviária Federal fez apreensão do material na BR-060, em Anápolis.

Os agentes pararam o carro no posto da PRF da cidade e durante a fiscalização no veículo suspeitaram que a caixa de som do porta-malas estivesse sendo usada para transporte de algo ilícito. Quando desmontaram a caixa, os policiais encontraram 398 cartelas do medicamento “nobésio”, conhecido popularmente como rebite.

O homem, de 31 anos, afirmou que mora em Goiânia e comprou a droga na capital para revender em um posto de combustíveis em Correntina, no interior da Bahia. No total, 5.983 comprimidos foram impedidos de serem comercializados.

Segundo a PRF, a procura por este medicamento da família das anfetaminas é comum por parte dos motoristas profissionais, que buscam o efeito de inibição do sono para dirigir por mais tempo sem o descanso obrigatório. A venda no Brasil é proibida pela Anvisa.

O homem foi autuado pelo crime de tráfico de drogas e encaminhado a polícia civil de Anápolis.

Texto: Danila Bernardes (Com informações da Assessoria de Imprensa da PRF)