20.8 C
Goiânia
quinta-feira, 27, janeiro 2022
- Anúncio -

Programa Juntos pelo Araguaia recebe R$ 11 milhões da iniciativa privada, anuncia Caiado

- Anúncio -

Mais Lidas

- Anúncio -
- Anúncio -
- Anúncio -
- Advertisement -

Neste sábado (5/6), Dia do Meio Ambiente, o governador Ronaldo Caiado esteve no município de Santa Rita do Araguaia, sudoeste goiano, onde anunciou o aporte de R$ 11 milhões da farmacêutica Hypera Pharma para o Projeto Juntos pelos Araguaia, parceria dos governos de Goiás, Mato Grosso e federal. Na ocasião, como forma de marcar o Dia do Meio Ambiente, Caiado plantou uma muda de aroeira às margens do rio. 

O valor do aporte anunciado será utilizado na recuperação de mais de 160 hectares em Santa Rita do Araguaia e em Portelândia, além da construção de um viveiro de mudas a ser erguido na cidade de Mineiros. “Hoje, nós não estamos assinando um protocolo de intenções. Estamos em mais uma etapa daquilo que é o nosso compromisso de recuperação do Araguaia”, disse Caiado. Segundo o governador, “já é um programa que está em fase de instalação. Não é algo que vai acontecer. Já está acontecendo”. Ele explica que nunca foi feito algo parecido no mundo, a exemplo dessa iniciativa que prevê recuperar 10 mil hectares de terra, com combate a voçorocas, proteção de cabeceiras e recuperação de matas ciliares. “Temos credibilidade moral para dizer: nós sabemos produzir, respeitamos o meio ambiente e também sabemos recuperá-lo aonde ali existiu algum excesso”, disse Caiado. 

 A titular da Semad, Andréa Vulcanis, disse que o rio está morrendo sufocado, pois a região tem solo frágil e arenoso. Com o desmatamento e retirada da vegetação nativa, esse solo fica solto e a chuva leva todo ele para dentro dos cursos d’água, causando assoreamento. “Isso implica na perda de biodiversidade, de nossos peixes e, daqui a pouco, na perda do turismo, que é tão relevante nesta região”, disse. “O Juntos pelo Araguaia se apresenta neste novo lote como um avanço, uma entrega efetiva, o projeto saindo do papel. Como tudo que acontece no governo Caiado, os projetos não ficam só na promessa”, destacou.  

O apoio do projeto do grupo Hypera Pharma vai se estender pelos próximos três anos, com a recuperação de uma área de 166 hectares nos municípios de Santa Rita do Araguaia e Portelândia. O financiamento também dará suporte à construção de um viveiro em Mineiros, no sudoeste goiano, com a capacidade de produzir 500 mil mudas nativas por ano, que vão ser usadas na recuperação da cabeceira do Rio Araguaia. “O apoio a esse projeto reafirma nosso compromisso com desenvolvimento social e com o Estado de Goiás, onde temos nossa principal operação fabril”, disse Breno Toledo Pires de Oliveira, presidente-executivo da Hypera.  O prefeito de Santa Rita do Araguaia, Carlos Tadeu, agradeceu ao governador e à toda a equipe do Juntos pelo Araguaia. Segundo ele, muitos conhecem o “grande Araguaia”, mas ignoram que os pequenos córregos da cabeceira são parte do rio caudaloso. “Não adianta um grande corpo se a cabeça não estiver sadia”, disse o prefeito.  

A Secretaria de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Seapa) é um dos principais braços do Governo de Goiás na efetivação do projeto ao dar respaldo aos produtores rurais da região. “Com a Emater [Agência Goiana de Assistência Técnica, Extensão Rural e Pesquisa Agropecuária] aqui conosco, podemos ter um grande programa, não só no papel, mas lá no campo, para que a gente veja o fruto deste trabalho, o crescimento das árvores e recuperação das nossas nascentes”, disse o titular da Seapa, Tiago Mendonça. O presidente da Federação da Agricultura e Pecuária de Goiás (Faeg), deputado federal José Mário Schreiner, também esteve presente no evento, e elogiou a união de ações dos governos de Goiás, Mato Grosso e federal, prefeituras, empresas, produtores e agricultores envolvidos. “Precisamos trabalhar em programas educativos como esse, onde nós vamos resolver os problemas juntos”, disse.  

- Anúncio -
- Anúncio -
- Anúncio -

Últimas Notícias

- Anúncio -