22.8 C
Goiânia
sábado, 13, abril 2024
- Anúncio -

Novo modelo de ecofiltro são colocados nas saídas da rede pluvial no Parque Areião

Projeto piloto é desenvolvido pela Agência Municipal do Meio Ambiente (Amma), e foi inspirado em sistema australiano.

- Anúncio -

Mais Lidas

- Anúncio -
- Anúncio -
- Anúncio -
- Advertisement -

A Prefeitura de Goiânia instalou um novo modelo de ecofiltro nas redes pluviais do Parque Areião, nesta segunda-feira (16). O sistema, inspirado em modelo que é utilizado na Austrália, tem como objetivo impedir que resíduos sólidos cheguem aos rios e nascentes da capital. Após período de testes, o projeto pode ser implantado em outros parques do município.

“Buscamos projetos criativos, com custo reduzido, para solucionar gargalos. Nossos técnicos adaptam essas ideias para a realidade local, com utilização de materiais de fácil acesso”, explica o prefeito Rogério Cruz. O projeto está a cargo da Agência Municipal do Meio Ambiente (Amma), que desenvolveu e vai avaliar o desempenho do sistema.

Ecofiltro

O primeiro modelo foi construído por técnicos e operacionais. Houve a utilização de uma tela resistente com trama fina, costurada com pontos de sutura. A peça é instalada na saída da rede pluvial por meio de uma plataforma de metal com parafusos, o que impede a passagem de resíduos sólidos.

Bocas de Lobo

A Amma também conta com um projeto de ecofiltros utilizados em bocas de lobo. O sistema foi testado em parques da capital e, em novembro de 2022, expandido para bocas de lobo na Região da Rua 44.

Os ecofiltros foram produzidos pela própria Amma com utilização de chapas de metal reciclado, construídos com material já descartado. O equipamento impede que o lixo arrastado por enxurradas entre nas galerias pluviais.


Leia mais: Lateral argentino é reprovado em exames médicos e não assina com o Goiás; entenda

- Anúncio -
Array
- Anúncio -
- Anúncio -

Últimas Notícias

- Anúncio -