Goleiro Saulo e zagueiro Patrick Willian apresentados no OBA

A quinta-feira foi bastante movimentada no Vila Nova por conta das apresentações de mais dois jogadores para a imprensa e também, o jogo treino que o Tigrão fez com o Luziânia, no CT Marconi Perillo. A atividade no CT ficou empatada em zero a zero e o técnico Umberto Louzer trabalhará a equipe na tarde desta sexta-feira(11), para enfrentar a garotada do sub-20 do Vila, que já está de volta do interior paulista, onde estava disputando a Copa São Paulo de Futebol Júnior.

Em relação aos apresentados, os escolhidos do dia foram o zagueiro Patrick Willian e o Goleiro Saulo, ambos vindos por empréstimo. Patrick tem 21 anos e chega por empréstimo do Ceará, antes o jogador atuou no Tupi-MG, nas categorias de base do Cruzeiro e do Internacional. O jovem atleta espera deixar uma boa impressão no clube e destaca a vontade de crescer.

-Eu almejo muitas coisas na minha vida e nunca me contento, então sou um cara que está sempre correndo atrás para cada vez aprimorar mais minhas dificuldades e meus erros e conseguir crescer e evoluir. Quero deixar um legado aqui, fazer uma grande história – afirmou Patrick Willian.

Já o goleiro Saulo, tem 23 anos, fez sua base no Corinthians de Alagoas e também no Botafogo, clube que o jogador tem vínculo. Além da base, o goleiro teve a oportunidade de atuar no time profissional do Botafogo na temporada passada e Saulo fala justamente, dessa chance que teve e também de sua escolha pelo Vila Nova para a temporada 2019.

-No ano passado consegui fazer 20 partidas na Série A. Comecei o ano como terceiro goleiro, com o Gatitto e o Jeferson na minha frente. Pra goleiro é muito difícil entrar, pois dificilmente goleiro machuca e no ano passado aconteceu dos dois machucarem. Graças a Deus consegui aproveitar as oportunidades que tive, até então foram vinte jogos e quando terminou o ano surgiu o convite do Vila pra eu vir pra cá e na mesma hora conversei com meu empresário e falei que gostei demais e queria vir. Já tinha acompanhado o clube e vi que dois anos seguidos o Vila bateu na trave pra subir e agora estou aqui, tenho fé que conseguiremos subir e teremos um ano vitorioso – explicou Saulo.

 

 

Fonte: Portal Vila Nova.F.C.

Imagem: Comunicação Vila Nova.F.C.

Redação Bandeirantes

Notícia Anterior

Prefeitura de Goiânia anuncia aumento do piso salarial 2019 dos professores da rede

Próxima Notícia

Goiás finaliza preparação para primeiro desafio de 2019

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *