16.8 C
Goiânia
domingo, 29, maio 2022
- Anúncio -

Goiânia e Rio Verde terão inquérito de cobertura vacinal em crianças

- Anúncio -

Mais Lidas

- Anúncio -
- Anúncio -
- Anúncio -
- Advertisement -

O Ministério da Saúde está realizando o inquérito de cobertura vacinal que tem como objetivo saber se as crianças nascidas em 2017 e em 2018 e que vivem nas áreas urbanas das capitais brasileiras estão com as vacinas em dia.

A Faculdade de Enfermagem da Universidade Federal de Goiás (FEN/UFG) participa da coordenação do levantamento em Goiânia e em Rio Verde. O estudo está sendo realizado em todas as capitais do País e em algumas cidades com mais de 200 mil habitantes.

Por meio deste inquérito também será possível estimar as coberturas vacinais relativas às vacinas BCG, hepatite B, poliomielite, entre outras. Objetivo é, ainda, identificar os motivos que estão contribuindo para que as crianças não estejam vacinadas.

A pesquisa irá analisar a caderneta de vacinação das crianças desde seu nascimento até o momento da entrevista.Participarão do estudo as crianças nascidas em 2017, em 2018 e residentes na área urbana das capitais brasileiras.

Entrevistadores devidamente identificados irão à residência das crianças que foram selecionadas para participar da pesquisa. Os entrevistadores de campo são profissionais contratados pela empresa Science, e estarão nos bairros, devidamente identificados e paramentados, para falar sobre a pesquisa e para responder a quaisquer perguntas que o participante possa ter. A entrevista terá tempo estimado de 20 a 30 minutos.

O entrevistador irá fotografar a caderneta de vacinação da criança com o objetivo de identificar quais as vacinas as crianças já receberam ou não. É fundamental que os pais ou responsáveis recebam os entrevistadores e permitam que a caderneta de vacinação seja fotografada.

A partir dos resultados deste estudo o Ministério da Saúde poderá definir novas estratégias que possibilitem melhorar o acesso à vacinação das crianças brasileiras e, desta forma, ampliar as coberturas vacinais em todo o país para proteger a saúde de toda a população brasileira.

As informações são do Ministério da Saúde

Leia mais: Ministro da Saúde convoca brasileiros a tomar segunda dose da vacina

- Anúncio -
- Anúncio -
- Anúncio -

Últimas Notícias

- Anúncio -