Empresas devem se credenciar ao Domicílio Tributário Eletrônico

A Superintendência de Informações Fiscais comunica que as 13 mil empresas de vários segmentos econômicos que ainda não aderiram ao Domicílio Tributário Eletrônico (DTE) devem regularizar a situação pelo site da Secretaria da Fazenda. A partir de segunda-feira, dia 14, as que não se credenciarem poderão ser bloqueadas do sistema de emissão de Notas Fiscais Eletrônicas.

O alerta é da coordenadora do Domicílio Tributário Eletrônico, Rúbia Jordânia Lima e Silva, que ressalta, ainda, que o bloqueio será feito por lotes e no primeiro deste ano, previsto para a segunda-feira, estarão cerca de 4 mil empresas.

“Não é preciso que o contribuinte procure uma unidade da Sefaz para resolver a pendência com fisco. Basta acessar o site www.sefaz.go.gov.br, no banner DTE e, com o uso do Certificado Digital, fazer o cadastramento”, afirma a auditora fiscal. Se houver dúvida, basta ligar para o telefone 0300 210 1994.

Mais de 211 mil empresas já utilizam o DTE para recebimento e armazenamento das correspondências e notificações da Sefaz. No Portal do Contabilista, no site da Sefaz, é possível consultar informações sobre as pendências. O uso do DTE é obrigatório para todas as empresas goianas contribuintes do ICMS que emitem documentos eletrônicos (NFC-e e NF-e), com exceção do Microempreendedor Individual (MEI).

 

Fonte: Portal Goiás

Imagem: divulgação

Redação Bandeirantes

Notícia Anterior

Trindade vence e se classifica

Próxima Notícia

Comurg promove ação especial do Cata-treco

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *