Em primeira votação, Câmara aprova autorização de empréstimo no valor de R$ 815 mi

0
Imagem: Divulgação/Câmara Municipal de Goiânia

Nesta segunda-feira,21, foram aprovados em primeira votação durante sessão extraordinária, no Plenário da Câmara Municipal de Goiânia, dois projetos de lei que permitem a prefeitura realizar os empréstimos que somados chegam a R$ 815 milhões.

O valor do primeiro empréstimo é de R$ 780 milhões que revertidos nas obras que estão acontecendo na capital.  O segundo de R$ 35 milhões para um programa de modernização de gestão.

Dra Cristina (PSDB), Priscila Tejota (PSD) e Sabrina Garcez (Sem Partido), que são vereadoras de oposição, realizaram criticas com relação ao investimento do dinheiro, não se preocupando com a qualidade no serviço prestado na área da Saúde.

“Se tivéssemos um visão mesquinha, partidária, esse projeto teria ficado parado. Não cabe a nós inviabilizar a cidade com esse tanto de obras. Mas eu e outras vereadoras independentes, não concordamos com esse modelo de gestão, mas foi uma escolha que a população fez”, destacou Sabrina Garcez, em discurso.