24.8 C
Goiânia
sexta-feira, 12, agosto 2022
- Anúncio -

Em convenção do Patriota, Kajuru declara apoio a Gustavo Mendanha e a Valério Luiz Filho

Além disso o político -- que se diz contra reeleições -- revelou que apoia o advogado Valério Luiz Filho (PT) como candidato a deputado estadual

- Anúncio -

Mais Lidas

- Anúncio -
- Anúncio -
- Anúncio -
- Advertisement -

A presença do senador Jorge Kajuru (Podemos) na convenção do Patriota, nesta sexta-feira (5), que oficializou Gustavo Mendanha como candidato ao governo de Goiás, em outubro, chamou atenção.

Em entrevista à Bandeirantes, o senador afirmou que apoiará o ex-prefeito de Aparecida de Goiânia neste pleito e, de acordo com ele, por causa dessa decisão, a amizade que tem com o governador Ronaldo Caiado não será abalada.

“O que valeu sempre na nossa vida foi uma amizade inabalável”, disse.

Além disso o político — que se diz contra reeleições — revelou que apoia o advogado Valério Luiz Filho (PT) como candidato a deputado estadual.

“Outra revelação que anuncio é que vou apoiar integralmente para deputado estadual o Valério Luiz, filho do meu amigo irmão que foi criado comigo e eu criado com ele, Valério Luiz, assassinado covardemente e brutalmente, então é por aí que vou andar”, revelou.

Outro ponto que influiu Kajuru a inclinar apoio a Mendanha foi sua amizade com o presidente estadual do Patriota, Jorcelino Braga, além, segundo o senador, das propostas apresentadas por Gustavo Mendanha.

“Braga e eu somos amigos desde 1990 e sempre estivemos juntos nas minhas horas claras e escuras. Não vou participar de campanha para atacar Caiado, criticar Caiado, reconheço todas as qualidades dele, homem sério. Mas como Braga mostrou pra mim os projetos, as proposições do que Mendanha quer apresentar a população goiano, eu fiquei feliz”, completou.

Apesar de deixar claro que a ideia de apoiar Gustavo Mendanha partiu da relação com Braga, Kajuru foi enfático ao elogiar os mandatos do ex-emedebista em Aparecida de Goiânia.

“Um prefeito que foi reeleito com 98% dos votos é algo inédito na história do Brasil. Não tem como desqualifica-lo. Certamente ele vai apresentar um projeto bom”, acrescentou.


Leia mais: Região e religião foram justificativas para Mendanha escolher vice: “não queríamos uma guerra de fé”; vídeo

- Anúncio -
- Anúncio -
- Anúncio -

Últimas Notícias

- Anúncio -