23.8 C
Goiânia
terça-feira, 5, março 2024
- Anúncio -

“Cinco vezes mais”, detalha Adson Batista sobre proposta salarial do Internacional por Baralhas

Internacional realizou proposta pelo volante e a negociação está em andamento com o Atlético Goianiense

- Anúncio -

Mais Lidas

- Anúncio -
- Anúncio -
- Anúncio -
- Advertisement -

O volante Gabriel Baralhas pode deixar o Atlético Goianiense. Um dos destaques do rubro-negro, o jogador está na mira do clube gaúcho, mas também há outros interessados. Neste momento, o Internacional é o principal clube na procura pelo atleta. O Colorado realizou proposta e tem esperança em um desfecho positivo. O presidente do rubro-negro, Adson Batista, confirmou a oferta e já admitiu que se necessário, irá buscar alternativas para suprir uma possível saída do jogador.

“Sou um cara muito racional, busquei jogadores com valores bem baixos e agora temos propostas interessantes. Não vou ‘sangrar ninguém na unha’, nós temos várias propostas pelo Baralhas e também por outros atletas. O Baralhas é um jogador importantíssimo para o Atlético Goianiense, mas o clube é maior e consegue buscar alternativas. Existe uma proposta, o Internacional está trabalhando forte para levar o jogador, o Atlético tem o jogador e o empresário do lado, com conversas racionais”, disse Adson Batista.

Contratado em 2020 junto ao Ituano, Gabriel Baralhas disputou mais de 100 jogos com a camisa do Atlético Goianiense. Uma das referências técnicas do elenco, o jogador foi o capitão do elenco no clássico contra o Goiás e ficou de fora do duelo contra o Iporá, por uma questão física. O atleta tem uma proposta do Internacional para ganhar um grande aumento se assinar com o time gaúcho, conforme revelou o presidente do Dragão.

“Ele ganha um salário e o Internacional ofereceu cinco vezes mais, então fica difícil. O cara é pai de família. O clube pode vender um percentual e ficar com boa parte para o futuro. Vamos avaliar com calma, mas pode ter certeza que pode sair A ou B, nós vamos continuar fortes e buscar alternativas, teremos poder de investimento”, completou Adson Batista.

- Anúncio -
- Anúncio -
- Anúncio -

Últimas Notícias

- Anúncio -